Encontro Internacional de Partidos Comunistas e Operários define o tema que marcará a comemoração dos 100 da Revolução Soviética

Movimento Comunista

Realizou-se nos dias 21 e 22 de abril, em Moscou, uma reunião do Grupo de Trabalho do Encontro Internacional de Partidos Comunistas e Operários (EIPCO), preparatória para o 19º Encontro, que acontecerá em novembro, igualmente em Moscou, por ocasião das comemorações dos 100 anos da Grande Revolução Soviética. O Grupo de Trabalho acolheu a proposta do partido anfitrião (Partido Comunista da Federação Russa), de realizar o EIPCO no dia 4/11 em São Petersburgo e, em seguida, nos dias 5, 6 e 7 em Moscou. A programação, que incluirá atos públicos, ainda será detalhada.

O GT definiu que o tema do próximo encontro será “O Centenário da Grande Revolução Socialista de Outubro: os ideais do movimento comunista, a revitalização da luta contra as guerras imperialistas, pela paz e o socialismo”.

Gennady Zyuganov abre reunião do GT / Foto: Gaio Doria

Gennady Zyuganov abre reunião do GT / Foto: Gaio Doria

A abertura da reunião contou com a participação do presidente do PCFR, Gennady Zyuganov, que denunciou a intenção estadunidense de dominar o mundo através da força. O dirigente comunista alertou para o perigo – que ele considera latente – de uma guerra em larga escala e apelou para que os comunistas reatem “velhos laços” e avancem unidos na luta pelo socialismo.

Os partidos que compõem o Grupo de Trabalho também definiram que o documento final do 19º Encontro será dividido em três partes: 1) balanço histórico e o significado da revolução; 2) apoio às causas internacionais consensuais no movimento comunista; 3) propostas de estratégias comuns sempre baseadas nos pontos convergentes entre os partidos. O PCFR ficou encarregado de apresentar uma minuta inicial do documento.

Outra decisão importante foi que o GT irá propor ao 19º Encontro a incorporação de mais quatro partidos ao Grupo de Trabalho: Partido Comunista da China, Partido do Trabalho da Coreia, Partido Comunista dos Povos da Espanha e Partido dos Trabalhadores Húngaros.

No dia 22 de abril os partidos presentes ao GT foram prestar sua homenagem aos 147 anos de nascimento de Lênin, depositando flores em seu Mausoléu na Praça Vermelha. Na ocasião o Partido Comunista da Federação Russa liderou uma grande passeata em homenagem ao líder bolchevique, aproveitando também o momento para depositar flores no túmulo de Stálin (veja ao final da matéria uma galeria de fotos).

A delegação do PCdoB, em conversação com os camaradas do PCFR, indagou sobre a programação pública das comemorações do centenário da revolução, em virtude do interesse que a data histórica desperta nos comunistas brasileiros, vários dos quais estão organizando caravanas para a Rússia por ocasião dos festejos. O PCFR informou que está ciente da grande repercussão internacional que a comemoração dos 100 anos da Revolução está despertando e que acontecerão, em novembro, comícios e atividades públicas organizadas tanto pelo partido quanto pelo próprio governo, mas que não foram definidas datas nem formatos destes atos, sendo que não é possível ainda detalhar qualquer programação.

O PCdoB foi representado na reunião do GT pelos camaradas Wevergton Brito, membro da Comissão de Política e Relações Internacionais, e Gaio Doria, colaborador da CPRI.

Participaram desta reunião do GT os seguintes partidos membros:

Partido Comunista da Boêmia e Morávia

Partido Comunista da Espanha

Partido Comunista da Federação Russa

Partido Comunista da Grécia

Partido Comunista da Índia

Partido Comunista da Índia (Marxista)

Partido Comunista da Turquia

Partido Comunista da Ucrânia

Partido Comunista de Cuba

Partido Comunista do Brasil

Partido Comunista do Nepal (Unificado Marxista-Leninista)

Partido Comunista do Vietnã

Partido Comunista dos Trabalhadores Russos–Partido Comunista da União Soviética

Partido Comunista Libanês

Partido Comunista Palestino

Partido Comunista Português

Partido Comunista Sul-Africano

Partido Progressista do Povo Trabalhador – AKEL (Chipre)

Partido Tudeh, Irã

Os seguintes partidos participaram da reunião do GT na condição de observadores

Movimento Socialista do Cazaquistão

Partido Comunista da China

Partido Comunista da União Soviética

Partido Comunista dos Povos da Espanha

Partido Comunista Francês

Partido Comunista Sírio

Partido do Trabalho da Coreia

Partido dos Trabalhadores Húngaros

 

 

Compartilhe: