Federação Sindical Mundial saúda trabalhadores brasileiros em greve geral

Brasil

A Federação Sindical Mundial (FSM), entidade que representa 92 milhões de trabalhadores de 126 países, manifesta seu total apoio à Greve Geral no Brasil neste 28 de abril. Leia a íntegra da nota.

A Federação Sindical Mundial e suas entidades filiadas combatem em nível mundial e sem trégua as medidas neoliberais que impõem perdas de direitos trabalhistas e sociais da classe trabalhadora.

No Brasil, essas medidas se manifestam através de reformas que privilegiam o rentismo em detrimento do trabalho.

Por isso, a FSM, juntamente com as entidades filiadas do Brasil, protesta contra os projetos antitrabalhista e antiprevidenciário desse ilegítimo governo.

A FSM reafirma ainda que continuará apoiando e participando de todas as lutas que visem a encerrar um mandato sem legitimidade.

Viva a Greve Geral no Brasil!

Fora Temer e todos os representantes das políticas antilaborais!

O Secretariado

Fonte: CTB

Compartilhe: