Tropas sírias libertam povoados em Hama e Deir Ezzor 

Síria

Uma forte batida do exército sírio e seus aliados, com apoio da aviação russa, prosseguiu nesta terça-feira (5) contra o grupo terrorista Estado Islâmico ou Daesh ao sudeste da cidade de Al-Mayadeen, no campo este de Deir Ezzor. 

Citado pela web Syria-Alyaun, um oficial de operações informou que o exército expulsou ao Daesh de seis povoados: Taresh, Abbas, Marei, Shummar, Qatta e Tothieh.

Lideradas por comandos de elite da força Tigre, unidades militares sírias controlaram várias alturas estratégicas como o Monte Nasurieh e as colinas de Muehah e Bouni, na própria zona.

Durante as operações, as tropas governamentais eliminaram dezenas de terroristas do Daesh e destruíram vários veículos artilhados e carros bomba, além de apreender armas e equipas bélicos.

Com este notável avanço, ao exército sírio resta-lhe um trecho de uns 13 quilômetros para conseguir a libertação da orla sul do rio Eufrates, e dessa forma o Daesh ficaria cercado num bolsão no deserto.

Recentemente as tropas atingiram grandes sucessos ao libertar na província de Deir Ezzor a cidade capital homônima, a própria Al-Mayadeen e o município de Al-Bukamal, considerado o último baluarte importante do Estado Islâmico em Síria.

Por outro lado, depois de tomar a localidade de Khanasser, localizada entre os limites administrativos das províncias de Alepo, Hama e Idleb, as tropas leais a Damasco aproximaram-se ainda mais para a nortenha província de Idlib.

Fontes militares asseguraram que a força pro governamental Escudo do Qalamoun conseguiu romper as linhas de defesa dos mercenários do Exército do Turkestán e da Frente para a Libertação do Levante (antigo Al-Nousra) e controlaram pontos estratégicos perto de a localidade de Rahjan.

A libertação de Rahjan, um dos feudos principais de Al-Nousra, resulta importante para chegar ao aeródromo de Abu Duhur. 

Fonte: Prensa Latina 

Compartilhe: